in

50 Lugares para Conhecer em Portugal

Portugal é lindo e está em alta entre os brasileiros e turistas mundo afora. Descubra agora o que conhecer nesse maravilhoso país.

11. Palácio da Pena (Sintra)

Palácio da Pena
Foto: Palácio Nacional da Pena / wikipedia.org

O Palácio Nacional da Pena, popularmente conhecido apenas por Palácio da Pena é considerado por muitos, o palácio mais bonito de Portugal.

Localizado no distrito de Sintra, foi elevado pela UNESCO no ano de 1995 a Patrimônio Mundial e representa uma das principais expressões do Romantismo arquitetônico do século XIX no mundo.

Situado no Monte da Pena, o Palácio foi edificado no sítio de um antigo convento de frades da Ordem de São Jerônimo.

Fruto da imaginação do rei D. Fernando II, que era casado com a rainha D. Maria II que, de tão apaixonado por Sintra, resolveu adquirir em 1838 o convento e as terras a sua volta para construir esse que era o palácio de verão da família real.

Hoje, em uma das suas alas está instalado um restaurante, com uma belíssima vista sobre a Serra de Sintra e sua costa.

Em 2007, o Palácio da Pena foi considerado uma das Sete Maravilhas de Portugal e em 2013 passou a integrar a Rede de Residências Reais Europeias.

Localizado a mais ou menos 40 minutos de Lisboa, o Palácio, a Vila de Sintra, a história e todo conjunto que engloba este edifício romântico e colorido com um maravilhoso jardim envolvente, são razões de sobra para uma visita.

12. Cabo da Roca (Lisboa)

Cabo da Roca

Se você estiver em Lisboa, não pode deixar de conhecer o ponto mais ocidental do continente europeu.

O Cabo da Roca está localizado na freguesia de Colares, que faz parte de Sintra e fica a cerca de 40 km do centro de Lisboa, a 16 km do centrinho de Cascais e a 18 km da vila de Sintra.

A costa de Portugal possui alguns trechos repletos de grandes paredões rochosos e falésias junto ao mar, e neste quesito o Cabo da Roca se destaca estando a uma altitude de mais de 140 metros do nível do mar.

O Cabo está integrado ao Parque Natural de Sintra-Cascais e é muito procurado para realização de caminhadas que podem ser feitas ao longo da costa.

A versão espanhola da revista de viagens Condé Nast Traveler elegeu o Cabo da Roca como um dos dez mirantes mais bonitos de Portugal.

Devido a sua elevação, é possível ter uma vista privilegiada sobre a Serra de Sintra e sobre a costa de Portugal, o que faz valer a pena a visita.

13. Centro Histórico de Évora (Évora)

Centro Histórico de Évora

Se você gosta de história, não pode deixar de conhecer o Centro Histórico de Évora, que é considerado desde 1986 Patrimônio Mundial da UNESCO.

A cidade, que é conhecida como “Cidade Museu”, passou por várias fases, sendo elas: romana até ao século V, depois, pertenceu aos visigodos até ao século VIII, aos mouros durante quatro séculos e, por fim, aos portugueses desde 1165.

O Centro Histórico de Évora é formado por ruas estreitas, monumentos que remontam ao tempo do Império Romano, travessas, pátios e largos.

Ao todo possui uma área de 107 hectares e é claramente demarcado pelas muralhas medievais, com extensão de mais de 3 km.

Essas muralhas abrigam, por exemplo, um dos templos romanos mais conservados da Península Ibérica, o Templo de Diana, deusa romana da caça.

14. Vila Nova de Milfontes (Beja)

Vila Nova de Milfontes

Não se pode falar da Costa Alentejana sem mencionar Vila Nova de Milfontes.

Seja pelas magníficas praias de água salgada, seja pela belíssima praia fluvial de água doce e transparente do Rio Mira, seja pela qualidade gastronômica dos restaurantes locais.

Vila Nova de Milfontes, é conhecida como a “Princesa do Alentejo” e mesmo que o sol teime em não aparecer, não se preocupe, pois este lugar é repleto de opções.

Aqui, o desaguar do Rio Mira proporciona todas as condições para a prática de esportes náuticos, como canoagem, paddle surf entre outros, atraindo todos os anos milhares de praticantes dessas atividades.

Passeios de barco, compras nas lojas locais, enfim, a verdade é que não faltam coisas para fazer em Vila Nova de Milfontes.

15. Torre de Belém (Lisboa)

Torre de Belém
Foto: Torre de Belém / wikipedia.org

Considerada Patrimônio Mundial da UNESCO e uma das 7 Maravilhas de Portugal, a Torre de Belém possui 30 metros de altura e também é conhecida oficialmente como Torre de São Vicente.

Construída no início do século XVI, entre 1514 e 1520 é um dos grandes símbolos da arquitetura desenvolvida ao longo do reinado de D. Manuel I.

A torre foi erguida com a missão de ser um ponto de defesa da bacia do Rio Tejo, protegendo Lisboa da entrada de navios inimigos.

Sua fachada é repleta de brasões, cruzes, imagens de santos e o escudo real.

Em sua história a mesma já foi forte, prisão, alfândega e farol.

Hoje a Torre de Belém é sem dúvida o maior símbolo de Portugal e um lugar de visita obrigatória dos turistas.

16. Odeceixe (Faro)

Odeceixe
Foto: Odeceixe / Pinterest

Se você procura um “tesouro escondido” então é preciso conhecer a praia de Odeceixe.

Quando digo tesouro, é exatamente isso que a lista da European Best Destinations (EBD) de Europe’s best hidden gems 2019 disse ao escolher Odeceixe como um dos 15 destinos “secretos” que valem “ouro”.

A grande verdade é que para quem vive fora de Portugal, Odeceixe pode ser sim um destino secreto, mais para os portugueses está belíssima praia que se divide em praia fluvial de água doce e praia de água do mar é muitíssimo conhecida.

No meio do areal da praia, deságua a ribeira de Seixe, marcando a fronteira entre o Alentejo e o Algarve.

Um pouco mais a sul, é possível encontrar a praia das Adegas, lugar oficial para a prática de naturismo.

17. Mértola e Parque Natural do Vale do Guadiana (Beja)

Mértola e Parque Nacional do Guadiana

Mértola é uma cidade localizada na parte sudeste do Alentejo.

No passado, já foi cidade romana, capital de um reino árabe e a primeira sede da Ordem de Santiago, todo esse histórico explica sua importância e as diferentes influências apresentadas em sua arquitetura.

No topo da colina, está o castelo de Mértola, que foi construído em boa parte durante o século XIII.

O mesmo, encontra-se estrategicamente localizado na confluência da ribeira de Oeiras com o rio Guadiana.

A riqueza cultural e ambiental da cidade de Mértola é inegável, possuindo desde vestígios arqueológicos romanos na Câmara Municipal, até um incrível Museu Islâmico, que possui a mais importante coleção de arte islâmica de Portugal.

Junto a Mértola, encontra-se o Parque Natural do Guadiana, que engloba os concelhos de Mértola e Serpa e apresenta uma fauna, flora, uma morfologia e, sobretudo, aspectos paisagísticos de grande  interesse.

No parque, além da grande beleza, é possível encontrar diversos vestígios pre-históricos, além de várias espécies que estão em perigo de extinção, como a cegonha negra, o peneireiro das torres, o bufo-real, a pomba cinza, a rã-ibérica entre outros.

18. Livraria Lello e Irmão (Porto)

Livraria Lello e Irmão

19. Ponta da Piedade (Faro)

Lagos Portugal

 

20. Santuário de Fátima (Santarém)

Santuário de Fátima
Foto: Santuário de Fátima / Pixabay